Publicado em 19 de outubro de 2018 por Cecilia Sóter - Notícia
Coca-Cola falha em publicidade e acaba desejando a morte dos clientes
Erro de tradução em propaganda deseja a morte para os consumidores da Nova Zelândia

Em recente ação publicitária na Nova Zelândia, Coca-Cola deseja a morte dos clientes ao invés de dar um simples “Olá, amigo”. A ideia da campanha era promover uma maior acessibilidade do refrigerante aos diferentes povos presentes no país, porém acabou dando tudo errado.

A confusão aconteceu com o slogan “Kia Ora, Mate”, criado para ter uma interação com as populações maori, povo nativo da Nova Zelândia. Eles combinaram as palavras “Kia ora” (olá) e o “mate” (morte). A confusão ocorreu porque, em inglês, “mate” significa “amigo”, “companheiro”, “camarada”, e a Coca-Cola acabou juntando, na mesma frase, o idioma Maori com o termo em inglês.

Mesmo com boa intenção, a ação rendeu muitas piadas, isso porque, segundo pesquisas, cerca de 50% da população maori adulta e 18% da infantil é obesa e algumas pessoas não levaram na brincadeira. Um usuário ainda brincou:

 Mesmo que refrigerantes com alto teor de açúcar não sejam a melhor opção, especialmente para a saúde bucal, eles não são, pelo menos que eu saiba, imediatamente letais”, brincou Darren Davis, morador de Auckland.

A administração da Coca-Cola na Nova Zelândia ainda não emitiu nenhuma declaração oficial sobre o caso.

Últimas notícias

Veja mais notícias