Publicado em 22 de março de 2019 por Laura Quariguazy - Roteiro
Cinco das melhores e mais conhecidas maioneses de Brasília
Saborosas, as receitas levam bacon, alho confitado, especiarias e muitos temperos secretos

Na hora de comer um lanche, seja hambúrguer, cachorro-quente, ou qualquer tipo de sandubão; o molho é um dos pontos mais importantes da receita. É o molho que une os sabores da carne, do pão e dos outros elementos.

E, em matéria de molho, um dos mais adorados pelo brasileiro é a maionese – uma combinação cremosa de ovos (se não-vegana), mostarda, limão, alho e outros itens. Se artesanal então, melhor ainda. Por isso, estabelecimentos têm investido em diferentes apresentações e fórmulas para conquistar o consumidor.

Selecionamos, em Brasília, cinco casas com maioneses de tirar o fôlego!

Sanduíche B de Burger. Divulgação

B de Burger

A hamburgueria carioca trouxe a Brasília uma versão de maionese com bacon, que pode ser encontrada na receita que leva o nome da casa, B, de Burger. O blend de costela bovina, é acrescido de cheddar, a maionese de bacon e cebola caramelizada na cerveja escura, tudo em pão de batata-inglesa; custando R$ 36. Para quem gosta muito da ideia do bacon, a hamburgueria também tem milk-shake com bacon, que custa R$ 23.

CLS 402, Bloco B, Loja 35. 3322-9767. Segunda a quarta, das 12h às 23h. Quinta e domingo, das 12h à 0h. Sexta e sábado, das 12h à 0h30.

Catioro Food

Veganos de plantão, uni-vos! No Catioro Food, dog de rua onde tudo é vegano, e catioro só no nome mesmo, um dos atrativos é a maionese de alho. A bisnaga fica na mesa, para ser utilizada como topping nos cachorros-quentes, que custam R$ 10 ou R$ 12. Além de deliciosa, é vegana: não leva leite, ovos, ou nada de origem animal. A receita é segredo de Flaviano Cardoso, o vegano comandante do negócio.

O carrinho fica na 208 Norte, em frente ao posto de saúde. Exceto terça-feira, todos os dias a partir das 18h30.

Hot Dog do Rei

No Rei são DEZ tipos diferentes de maionese. Sim, dez! Tradicional, alho, azeitona, bacon, cebola, ervas, pimenta, calabresa e parmesão; todas feitas artesanalmente. E o cliente pode colocar quantos tipos quiser no cachorro-quente da casa. Lá, só é servido o tradicional dog no molho, com as opções simples (R$ 10) ou duplo (R$ 12). Feito com salsicha Perdigão, batata palha caseira, milho verde e queijo muçarela.

O carrinho fica na Via Boulevard Sul, Rua 14 Sul, após o Sigma, próximo à rotatória, em Águas Claras. Todos os dias, a partir das 18h30.

Bomba Junk

No Bomba Junk, a maionese de alho doce que vem no hot dog Casquinha (R$ 14) é pura glória. A receita com alho ao estilo confiado foi pensada para harmonizar com o picles de cebola, que é mais azedinho. No combo, com batata e refrigerante, a receita custa R$ 18.

307 Norte, Bloco A. Terça a quinta, das 18h às 23h. Sexta e sábado, das 18h à 0h. Domingo, das 18h às 22h.

Batata do Geleia, acompanhada de maionese. Foto: Pedro Augusto/Divulgação

 

Geleia

A receita de maionese da casa que acompanha as batatas rústicas é segredo. Mas o sabor é bastante conhecido: combina perfeitamente com o tempero das batatinhas, que são fritas e temperadas com páprica e alecrim. Ocasionalmente, nas redes sociais, o Geleia faz promoção de batata free, bastando apresentar a foto da postagem no ato da compra de um sanduíche. Mais uma desculpa para não deixar a famosa maionese passar.

São quatro food trucks com dias e horários sendo atualizados pelas redes @geleiafoodtruck, e hamburguerias no Gama (Quadra 39), na Rua Alecrim em Águas Claras, na 105 do Sudoeste e na QS 412 em Samambaia. Mais informações em @geleiahamburgueria.

Últimas notícias

Veja mais notícias