Publicado em 6 de dezembro de 2019 por Laura Quariguazy - Curiosidade
Luvas de látex são proibidas nas cozinhas dos EUA
Este é um tema pouco discutido, porém os alérgicos ao material sabem o transtorno que a exposição pode causar

A partir de 1º de janeiro, a Califórnia se tornará o sexto estado dos EUA a exigir que seus funcionários de serviços de alimentação usem luvas e utensílios sem látex.

A Food&Wine conta que o governador do estado, Gavin Newsom, assinou o projeto de lei no 677 do Senado no início de setembro, proibindo formalmente luvas e utensílios de látex em qualquer “instalação de alimentos e estabelecimentos de varejo de alimentos”. 

A alergia em números

Este é um tema pouco discutido, porém os alérgicos ao material sabem o transtorno que a exposição pode causar.

Liz Knight, embaixador global da Globalaai (Consciência e Inclusão Anafilaxia Global), conta que pode ter uma reação alérgica grave se tocar nos botões do controle remoto, em alguns de seus utensílios de cozinha, na alça do secador de cabelo, nos colchonetes, nas solas dos tênis e até em alguns jornais, devido ao látex usado no processo de fabricação.

A legislação estima que até 6% da população dos EUA tenha alergia ao látex, e esse número aumenta para 17% entre os profissionais de saúde e serviços de alimentação. Acredita-se que mais de um terço (34%) das crianças que realizaram mais de três cirurgias tenham alergia ao látex.

Arizona, Connecticut, Havaí, Ohio, Oregon e Rhode Island também aprovaram uma legislação que proíbem o uso de luvas de látex em restaurantes e outras áreas de preparação de alimentos.

Últimas notícias

Veja mais notícias